sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Tristeza

Passar três dias sentindo uma tristeza sem fim, brigando a toa e chorando sem parar... o melhor foi receber colo de quem amo e reencontrar um pouco de paz.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

o dia a dia

Mudanças são inevitáveis em certas ocasiões, tipo trabalho, cor de cabelo, corte.. E quando estou perto de cair na rotina eu analiso o que me acontece ao redor.. sou dura comigo mesmo pra evitar ao máximo magoar qualquer pessoa. Sofro com a saudade, viajo em altas nostalgias, fico emburrada e começo a desconfiar de tudo e a me encher de dúvidas. Mas então percebo que estou entrando na noia e relaxo um pouco.Procurar agulha na palheiro, sabendo que não caiu nada por ali é uma das minhas tarefas de querer saber se tem alguma coisa errada no meio de tanta perfeição. Tá, existe umas doses de exagero em quase tudo que imagino. O pensamento voa muito além da imaginação. Enfim, ocupar a mente de qualquer maneira: livros, séries, jogos, academia e tentar não me apegar a detalhes que não valem a pena