segunda-feira, 30 de abril de 2007

Diversão!!!




Hoje foi um dia divertido depois de muitos dias de turbulência.. sair com Ró é diversão "gagantida". Primeiramente Dani veio aqui pra me pegar.. mas como nunca demoro, ela ainda foi no posto comprar smirnoff ice pra gente.. aêêÊêÊÊ. e então partimos pro shopping.. pra patinar no gelo.. e encontraríamos Ró no shopping.. Bem, chegando lá tava bem visível o regulamento de patinação:




Daí falei pra Dani [ q até então tava de sandálias] do uso obrigatório das meias.. e Ró fala:
"eu trago sempre a minha na carteira!!!!!" Tadinha.. ela pensou que era uso obrigatório da carteira de meia entrada.. huauhauhauhauh.. passeamos no shopping e então decidi q como não patinariamos no gelo [só tinha guriii], fomos passeando pela orla maritíma até chegar na Cantina Montanari.. onde serve rodizio de pizza com outros tipos de rodizios.. então sentamos,
nos acomodamos, comemos nossas pizzas, até que chega o garçom com batatas-fritas e Ró vai pedir um pouco de queijo ralado.. chegou mais queijo ralado do que as batatas que ela tinha no prato.. pausa pra mais uma foto:





A cara de Ró nessa foto rendeu meia hora de riso.. mas não parou por aí.. eu fui falar pra Dani pra gente tomar um pouco de cachaça pra animar mais.. então chamamos o garçom e ele veio com a SELETA.. humm geladinha, docinha, brindamos e viramos.. dez minutos depois que me bateu onda.. nem quis mais saber de comer pizza.. sem falar que a toda hora passava o mesmo garçom com uma tal de portuguesa que o cheiro da cebola [ecaaaa] já tava me dando náuseas.. e assim foi meu dia.. rindo e me divertindo.. mas sábado que vem tem mais cachaça no parque Rolf..


parece taça de refrigerante.. mas era a cachaça..








quinta-feira, 26 de abril de 2007

Inferno Astral







Nem tudo são flores. Vivo num momento difícil e delicado, em um circulo vicioso, onde, quando penso que tudo está perto de melhorar, eis que surgem velhos empecilhos.
O mundo é hipócrita e mediocre. Tô cansada de não poder mandar em minha vida, de ser controlada, cansada de não conseguir uma brecha na minha area de trabalho, cansada de não poder tomar sozinha minhas decisões, cansada de não saber negar favores [ e com isso levar sempre na cara..]
Sinto-me em meio a um embaraço, de tantos nós que não desatam e que me faz sentir uma mulher fracassada, já perdendo o ânimo, praticamente entregue à cova dos leões.
Sei que não devo me entregar facilmente, que tudo pode ser provações da vida ou do destino, contudo estou no momento de parar um pouco [respirar fundo pra recuperar o folego] e pensar: "onde foi que eu errei? será que realmente o erro foi meu? tem conserto? e se não tiver conserto, poderá ao menos o erro ser suavizado?"
Ao mesmo tempo tento me firmar em minhas metas: sair da minha cidade e encontrar no mundo o meu lado perdido de que vale a pena continuar na luta, que vale a pena acreditar que, um dia quem sabe, tudo vai melhorar..

obrigada aos poucos amigos que tenho.. vcs estão sendo tudo!

segunda-feira, 23 de abril de 2007

Saudades

Não entendo o motivo das coisas acontecerem... diálogos
eram feitos e mantidos, mas mesmo assim
a distância surgiu.. outra pessoa apareceu..
sinto falta do meu passado.. eu era feliz..não sei
se voltarei a ter essa felicidade novamente..
Sinto falta e saudades de pessoas que aprendi a conviver..
cada um a sua maneira...
mas nada dura pra sempre e um dia eu aprendo isso..
possa ser que demore um pouco.. ou não..
Não quero mais lutar contra os meus sentimentos..
ando fugindo de quem se aproxima..
e de quem tá distante quero estar perto..
Por que será que pra amar tem que ser confuso... ter que sofrer???
Chega, cansei de entender... não te tenho mais ao meu lado... mas tenho um desabafo a fazer:


Venho aqui me libertar e dizer que te perdoô.. É um perdão de coração, para que eu possa me sentir mais leve. Isso não significa que não estou sofrendo. seria mentira dizer que esqueci de tudo, que com esse perdão passei a borracha em tudo que passamos, vivenciamos ou planejamos. Continuo sofrendo, só que menos do que antes. Estou vivendo mais para mim, alimentando um desejo de ser livre, de me sentir leve, estar plena...
Pode ser que ainda existam mágoas e ressentimentos, mas com o tempo isso ameniza. O tempo é o senhor das razões, e foi no meu silêncio que pude reconhecer esse perdão....








domingo, 22 de abril de 2007

Domingão de Vitória

è.. o jogo foi duro.. não assisti, mas só ouvi o final: gooooooooooollllllll do vitória e encerra o jogo na Fonte Nova!!!!

Bem, vamos aos fatos.. levantei tarde da cama, depois fui fazer um turismo dentro de Salvador.. o bom do passeio foi poder olhar o mar.. fui na Barra, depois Pituba e parei no aniversário de Malu, carregando a bandeira do Vitóóóóóória.. e os meninos qdo viram querendo queimar minha linda bandeira.. bem.. cheguei no niver de Malu qdo estavam todos indo embora.. então tive q ir-me embora e fui pra casa de Deza.. e ouvindo do rádio o jogo.. eu e meu primo.. e baêa vira placar, vitoria empata, vira o jogo e deixa baêa empatar de novo e até q no último momento do jogo.. faz o sexto gol.. o derradeiro.. eita liguei até pra Daniel san pra cobrar a minha caixa de Tubaína.. rsrs
Pelo menos é uma alegria .. o que ando passando dentro de casa, só me faz deixar triste... e de noite antes de chegar em casa.. fiquei olhando o céu.. como nunca mais tinha feito nos meus momentos de solidão.



tirei a foto do carro, no momento q parei no sinal.. até eu contemplo minha linda cidade.. no fundo o Farol , praia da Barra..

sábado, 21 de abril de 2007

Por que você é assim???

O dia hj foi tranqueira pura!!!!!
Acordei morgadona pelo remédio q tomei... tô muito chateada com o que anda acontecendo comigo.. na verdade me sentindo uma fracassada..
e muito por demais de confusa.
Pela tarde, finalmente,  o consultor da vivo me ligou pra falar da minha reclamação..
mal sabia ele q eu trabalhava na central de atendimento.. e claro que encarnei aqueles clientes chatos que ligam contestando tudo.. o consultor chegou até a gaguejar falando que minha promoção tava vigente.. e quanto 
a outra reclamação era pra eu aguardar contato.. que ele não tinha como verificar
(e se tivesse eu iria agradecer muito pq meu colega de trabalho fez questão de abrir uma reclamação que foi fechada de imediato)

Depois foi a vez de Deza me ligar me convidando pra ir ao cinema.. bem fomos nós: 
eu, Carlinha e Deza... estavamos indo com vontade de assitir a colheita do mal porém a sessão já tinha iniciado e ficamos na indecisão de As férias de Mr Bean e Caixa 2..
mas Carlinha não queria assitir a nenhum dos dois.. dizendo q não ia gostar de Mr Bean e que odiava cinema nacional (Carlinha pq vc é assim?) decidimos por caixa 2.. filme nacional.. compramos os ingressos e fomos para a Subway comprar o que comer..
e depois que entramos e nos acomodamos.. um senhor muito simpático nos ofereceu pipoca.. ou seja .. ele não queria mais a pipoca q ele comprou, claro q Deza aceitou de imediato (Deza, pq vc é assim?) dando a desculpa q odeia desperdício.. (e ainda colocou a pipoca no meu colo, me senti no meio de um piquenique) e qdo ela foi comer o sanduiche dela, lógico q saiu oferecendo ao simpático velhinho da pipoca e falando: dividir é legal!...
bem.. o filme começa e Carlinha inventa de ir comprar chocolate.. chegando 15 ou 20 minutos depois do filme ter começado (Carlinha pq vc é assim?) todo mundo rindo no cinema e Carlinha séria..no meio do filme, Deza conversa comigo e pede pra que eu olhe pra Carlinha.. tá ela lá, toda encolhida, parecendo aquelas velhinhas dormindo no cinema...

Bem, acho q é isso.. foi a única parte engraçada do meu dia... pq o resto foi tranqueira pura... e de costume conversar com os amigos no msn..
amanhã tem vira-vira.. aniversário de Malu..
deve ter mais resenha..
bjssss

quinta-feira, 19 de abril de 2007

Foda???

Tá tudo muito foda!

Foda de continuar ganhando uma mixaria, foda de não conseguir um outro trabalho, foda nessa vidinha em que nada acontece... que merda.. queria ter a coragem de não ligar para o que acontece ao meu redor, ser uma mulher mais fria, esquecer do significado da palavra sentimento e ter uma ambição de vida.. correr atrás apenas das coisas que me dê prazer ou que me enalteça.. mas não, tenho que me importar com os problemas gerais que ando tendo em casa.. continuar naquele trabalho onde a pressão é a força motriz de tudo.. muito foda.. assim não dá pra continuar...

e ainda tem o lado sentimento.. ser apaixonada por uma pessoa desconhecida , sofrer os riscos e gostar(!!!?) de estar enfrentando os medos, os desafios.. quanto mais dificil e impossivel, eu mergulho.. já tentei por diversas vezes esquecer, sumir, apagar isso, mas não consigo é forte e intenso... resumindo: o desconhecido é muito misterioso e isso é o q me atrai.. eu cheguei a meditar sobre isso, é um risco q estou correndo, mas o desafio me fascina.. se ele tivesse por perto, já teria fugido dele, mas pelo fato de não ter como fugir.. esse sentimento cresce avassalador dentro de mim, não é facil.. tem q ter uma estrutura muito forte.. e olha q sempre fui fraca, nem eu tô me reconhecendo...

Fora o fantasma do passado.. q vejo cada dia mais se dando mal e ainda diz q tá feliz? feliz com q??? se desfazendo das coisas q ajudei a construir? de estar mais fudido do que eu ???


tô passando por um momento confuso.. acabei misturando todos os problemas em um.. não consigo mais distinguir nada de coisa alguma..

parei .. preciso recuperar meu folego, pra continuar seguindo em frente.. novos problemas ainda surgirão.. talvez menores ou até piores... o bom de tudo é saber que tenho amigos.. poucos, mas de grande significado...
amigos obrigada por tudo!



P.S. hj é dia de fumar o cachimbo da paz.. feliz dia do ìndio...

P.S. 2 : Segunda feira foi um dia de emoção no trânsito.. eu e Tica.. alegres e sorridentes no carro.. uma chuva começa do nada, o sol ainda aparecia.. e de repente, não mais q de repente.. o carro derrapa no asfalto.. com um leve toque q dei no freio.. tentei controlar o carro, mas ele deu uma batida no meio fio e fomos arremessadas pra outra pista, mas consegui controlar e parar o carro.. bem em cima do outro carro.. ahh e sem falar que teve a sonoplastia de carro freando.. e Tica [ela chegou até a tirar o cinto.. será que ela queria se jogar pela janela do carro??? até agora não entendi.. fazer o quê?] já se vendo do outro lado da pista, com o carro batido no poste e ela sendo enterrada na baixa de quintas [o cemiterio particular mais pobre de salvador] é, meus amigos.. vivendo com emoção e nem pensem q sou barbeira,, pq se assim eu fosse.. eu não estaria aqui contando essa historia.. vcs estariam me visitando agora em um hospital.. pq Tica se matou.. e eu não.. heheheheheh

domingo, 15 de abril de 2007

Quem sou?

   Cada dia que passa vou descobrindo um pouco mais de mim: não sei quem sou... o que penso e como agir. Tudo é estranho, vou conhecendo novas pessoas enquanto que outras apenas passam por mim, mas eu não me conheço. Isso tudo que tem me acontecido nos últimos meses, é muito estranho, confuso... quando penso que estou no equilíbrio, eis que me vejo novamente em turbulência, ou como se vivesse eternamente nos altos e baixos, a toda velocidade, na montanha-russa. Tento me entender e me compreender e quando faço isso descubro que nada sei, nada sou e nem pra onde vou.. tudo o que tinha, que possuía se foi, se acabou.. e dos meus sonhos, me distancio, paulatinamente... e a angustia vai crescendo.. tomando forma.

Se vc souber quem sou, me avisa porque preciso continuar me desbravando..

sexta-feira, 13 de abril de 2007

Resenhas da medição da Anatel

Menina Má e seu relógio (ou melhor, a quase falta dele).

Menina Má toda feliz e lerda de sono, pega a bolsa e diz:
- Poxa não coloquei meu relógio
Biii diz: - O quê?
Má: - o relógio
Biii: - Hã?
Má: - Se eu gritar até Raimundo (gestor da Vivo), vai ouvir lá de baixo...
Eu esqueci de colocar o relógio.
Biii olhou para o braço de Má, aonde estava o relógio e diz:
- Ah! Tá.
Má, com aquele sorriso meio amarelo, procurando aquela desculpa mais do que esfarrapada, responde:
- Me confundi com a pulseira.
*Eu, meio alheia ao falatório sem querer espirrei:
- Mentiraaaaaa!!!!!
*(Mamô)


O leite e sua marca: Magnésia

Tudo vai bem na medição da Anatel, quando de repente, não mais que de repente, Biii insere a conversa:

“Certa vez eu quando criança resolvi tomar leite e peguei aquele que eu considerei que era de uma marca nova, garrafinha azul, pequena (até então naquela época Bii 
só sabia ler a palavra leite) coloquei no copo... e bebi tudo (achando o gosto um pouco diferente, mas bebi). Pouco tempo depois escuto um som da minha barriga, corri para o banheiro e.....
Suei, quando pensei que tudo tinha passado, voltei desesperada para o segundo round.
Segurando-me até nas paredes do banheiro.
Quando tudo passou eu descobri o que era: Leite de Magnésia!”“

Eis que Biii para finalizar diz: - Oh, Má! Eu ainda coloquei açúcar pq tava amargo.

p.s: Acho que o açúcar era para alegrar as lombrigas!!

p.s.2: Eu, Mamô postando por Menina Má...mô.


Rô, Bii e Má

sexta-feira, 6 de abril de 2007

O bando

Gente, amo muito vcs.. gostei tanto desse video.. queria poder conhecê-los pessoalmente, mas nunca desistirei da ideia de conhecer cada um, mesmo q seja separado.. mas a vontade era de reunir todos, pq sempre qdo a gente se encontra é uma festa... uma novidade, uma piada!
amo vcs de coração....

AMIGOS VIRTUAIS E OS MAIS REAIS QUE CONHECI ATÉ O MOMENTO!!


AMO VCS



segunda-feira, 2 de abril de 2007

Segunda feira..





     
       
     
       Pense em um dia chato.. é a segunda-feira.. ô diazinho q nada dá certo..
a começar pela preguiça em acordar.. coloquei o despertador pra tocar 8h e
só levantei as 11h .. e qdo levanto descubro q não tinha água..
e ainda pra completar uma cólica miserenta q até agora me faz doer a alma..
e me deixar com a sensação q tô com dor de barriga..  
sem levar em consideração a vivo (nosso gestor Cacau pediu demissão..
foi pra contax) a migração ocorreu.. os clientes estão irritados, ninguém sabe
usar o atlys..o atendimento em média de 20 minutos, clientes esperando em fila
para serem atendidos em média de 15 minutos.. uma loucura só..
tô mais tonta q barata drogada com baygon... (e falando em barata, ô bichinho nojento.. )



    Tô rezando pra esse dia terminar logo.. Segunda-feira deveria ser feriado..

Odeio Segunda-feira



 aniversário do meu sonho de consumo... ai ai ai

domingo, 1 de abril de 2007

toma cachaça

                                            
                                       

Aff.. nunca gostei tanto do atendimento da vivo quanto esses ultimos dias...
sistema totalmente inoperante.. migração.. e os clientes nem encheram o saco !!! :)))  Fora q na quinta feira descobri q o setor de 
planejamento me demitiu (claro fui beber smirnoff ice com Mamô pra tentar entender
a demissão), pois não colocaram meu nome na escala de abril.. mas na sexta eles
enxergaram o vacilo e me readmitiram (voltei a beber smirnoff ice pra comemorar a readmissão, eu e Mamô..)...
E finalmante teve a festa de Pink.. não fiquei muito tempo, mas o suficiente pra refrescar as "ideia"... Mamô foi tb.. mas nem deu pra curtir muito pq ela chegou tarde..e Bob a qualquer momento poderia virar abobora.. voltei de piloto automático.. todo mundo lá bebendo a redondjhaaaa.. pelo menos experimentei a Jangada**.. fabricada desde 1962.. 45 anos.. bem destilada.. e agora tô vendo tudo girar.. heheheheh brincadeira.. eu não tô bebada, tô apenas contente!

Cada dia que passa, deposito um pouco de coragem na minha ideia de mudar pra SP..



Mamô e eu na festa de Pink...



**cachaça destilada..