terça-feira, 29 de março de 2011

Ah, Salvador!

Cidade cantada em poesia. Cidade em que o Poetinha se encantou. Cidade do Maluco Beleza. Da beleza de Itapuã, Abaeté, Barra, Pelourinho. Elevador Lacerda. Alagados e suas palafitas. Cidade da culinária regada a dendê com leite de coco. Celeiro de diversidade musical. Ah, Salvador. Cidade de terreiros, igrejas e baianidade nagô. Do Sagrado ao profano. Sincretismo religioso que lava escadas da Colina Sagrada com água de cheiro. Povo que festeja com calor humano. Na beira da praia ou na praça onde o poeta já presenciou diversos encontros. Ah, Salvador que me encanta. De subir e descer ladeiras. Cidade da diversidade. Da camisa colorida. Do vermelho e preto e dos palhaços. Cidade que vibra. Atabaques, afoxés e agogós. Cidade de Axé, d'Oxum. Cidade da Baia de Todos os Santos.

Feliz Aniversário!

segunda-feira, 28 de março de 2011

Mas tudo passa...

.. tudo passará. É, já cantava o Nelson Ned, lá nos tempos que eu nem sonhava em nascer. Tava tristinha esse final de semana por conta de uma noticia ruim que recebi na sexta-feira. 


Eis que vi uma coisa que agradou muito aos meus olhos. A Medina está em festa. Até superei partes das adversidades que a vida tem me mostrado. Mas eu sou raçuda e vou aceitando cada obstáculo.

05 anos de liberdade, quer dizer, com alguns atalhos no meio do caminho, puladas de cercas, blábláblábláblá

Bjins

quarta-feira, 23 de março de 2011

Comece bem o dia

Bem queridos amigos, depois de ficar uma eternidade sem dormir (não sou vampira, ainda) essa noite eu dormi bem gostoso. E acordei com aquela sensação de relaxamento profundo e com várias coisinhas boas. Tá, só falta agora receber aquela ligação.

Pelo twitter, eu listei umas dicas de como começar bem o dia e vou repassar aqui:

  1. Abra o olho assim que acordar (isso é fundamental)
  2. Faça alongamentos ainda na cama
  3. Beba uma deliciosa vitamina de abacate
  4. Admire o dia além da janela (se tiver caindo aquela garoa.. suspire)
  5. Cante uma música. (Veja vídeo abaixo da Música que estou cantando)
  6. Beba um bom café, enquanto se olha pela janela
  7. Volte para a cama.

P.S. o sétimo idem foi uma sugestão do Paulo Miau Santana. Nessa sugestão dele vc pode voltar para a cama e ler, assistir filme ou apenas fica de prega coçando o saco.

Bom, espero que tenham gostado dessas dicas e aproveitem ao máximo.

Bjins.

domingo, 20 de março de 2011

Domingão...

Pela manhã li um pouco, tirei aquele velho cochilo, almocei e ao sentar no PC para atualizar as noticias, eis que meu gato pula em mim, me faz um carinho gostoso e vai dormir. Isso é muito amor e ainda tem gente que diz que os gatos gostam da casa e não do dono.


P.S. Ontem a lua tava muito inspiradora.

quarta-feira, 16 de março de 2011

Sempre existe um novo tempo de recomeço.... ♥

E isso nunca vai deixar de existir. Podem ter dias de sofrimento, de tristezas, de chuva. Mas o dia do sol sempre chega. Não vou ficar me desesperando à toa com tanta coisa que anda me acontecendo, não quero me deixar abater. Sempre ouvi aquele velho chavão: o que tiver que acontecer, acontecerá. Vamos seguir em frente e ver no que vai dar?


Amanhã é um novo dia, não é? ♥

quarta-feira, 9 de março de 2011

Carnaval

Como havia dito, esse ano o Carnaval foi diferente. E muito. Na semana que antecedeu, eu já estava saudosa dos meus antigos carnavais, quando eu saia no bloco e ficava nas sextas-feiras na pipoca em Ondina. E toda a loucura que era a semana, a alegria que eu sentia pela festa.

Bom, como fiquei muitos anos na amnésia da festa, quando pude novamente me permitir a brincar, eu senti uma diferença tremenda. Haviam comercializado o carnaval. Só via camarotes por todos os lados e um espaço apertado para a pipoca, naquele momento eu desistia da festa popular. Passei dois anos indo pro Palco do Rock, um lugar de boa estrutura, sem muitas propagandas pelo governo do estado ou pela prefeitura. Ao contrário do que eu imaginava, o PDR foi tranquilo, as pessoas de preto sabem curtir suas festas, sem brigas.

Mas parecia que eu não andava satisfeita. Até que esse ano eu fui novamente pra rua. Voltei a me render a folia momesca. E agradeço ao Márcio pelos convites. Na quinta feira fomos para o Camarote de Daniela, mordomia linda de meldels. Salão, comida a vontade, bebidas, pessoas lindas. E não parou por ai, o Blog do Marcio ganhou uma promoção para Recife do Club Social e como se não bastasse eu rever meu carnaval de Salavdor, também fui convidada para conhecer o carnaval de Recife. Eu tinha lá meus medos. A comparação é inevitável. Falam que o Galo da Madrugada é o maior bloco sem corda. Tá pode até ser, poderíamos fazer o mesmo em Salvador se colocassemos todos os blocos independentes saindo um atrás do outro.. mas deixemos isso de lado. O Galo da Madrugada é bonito de ver e mais bonito ainda é escutar a multidão gritando de alegria quando aquele velho frevo conhecido começa a tocar. Ah gostei de ouvir Nação Zumbi sendo tocada, muito astral. No Recife antigo, só fiquei sentada na mesa do bar, bebendo uma Absolut com Redbull e Sprite. Já Olinda...

... Olinda foi um domingo de carnaval encantador. Com suas bandinhas de fanfarras, passando com Standarts informando o bloco que estava passando pelas suas ladeiras (que me fizeram ficar na derrota embaixo daquele sol). Achei maravilhoso o Carnaval de Olinda. Retornamos para Salvador naquela mesma noite. (outro abre parenteses, como Salvador é linda do alto, pela segunda vez que tive esse prazer de observa-la durante um voo noturno)

Na Segunda eu estava só o cansaço, mas tive o fôlego de ir pro Camarote da Skol. Foi a minha melhor noite. Adorei a animação de Recife/Olinda, mas deculpem os pernambucanos, o calor humano aqui exala. Um dos pontos altos foi quando Ivetão passou, o camarote da Schin ficava logo em frente, mas a mulher é raçuda, ela fez uma festinha pra concorrência e provou que no carnaval ninguém é de ninguém.. hehehe. O bom de tudo é que dancei até as pernas ficarem bambas e ainda tive q andar muito até conseguir um taxi e voltar com a minha sobrinha salva para casa. Agora, aqui pra nós, ela teve uma aula linda de como se curte o carnaval.


Queria ter fechado com chave de ouro indo pro PDR, mas eu personifiquei a derrota com tanto cansaço dos dias acumulados sem dormir.


Para quem quiser saber como que foi o carnaval de recife com todos os detalhes, clica aqui e leiam o depoimento do Márcio.

terça-feira, 1 de março de 2011

Tudo muda


Cada segundo é tempo para mudar tudo para sempre.
Charles Chaplin
Fevereiro finalmente acabou. Espero que com ele tenha acabado também os meus domingos de pesadelo, caraca incrível isso sempre sonhando com o quem não presta, saí de mim urubu, vai cuidar da sua vida que tô cuidando da minha. Não desejo saber se tá bem, se tá mal, quero apenas que seja desconhecido para mim qualquer paradeiro, até mesmo nos meus avisos oníricos. 

Começa Março, daqui a pouco é carnaval. Aliás, depois de amanhã começa a bagunça. Vai ser diferente.
E no mais, esperando essa festa acabar para voltar a colocar os curriculos na rua. Mãe ainda continua sem sustentabilidade na perna, tivemos que comprar uma cadeira de rodas para ajudar na locomoção, mas de vez em quando ela ainda dá uns passinhos ;)

Apesar dos pesares vamos seguindo em frente, porque quero me focar no que está ocorrendo de bem, aquele desânimo? Ficou em Janeiro.. rs. Ainda continuo lendo meus livros e minha meta de leitura que eram de 25, passou pra 30 e agora já bate nos 37 livros. Entretanto, diminui o ritmo. Pelo menos ler me dá um certo prazer, não é o mesmo prazer de comer um chocolate, mas é quase perto.